Governança

CEO e CFO da Vasco SAF renunciam aos cargos

Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos deixam funções em meio a interferências e clima tenso.

Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos renunciam aos cargos de CEO e CFO da SAF do Vasco.
Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos renunciam aos cargos de CEO e CFO da SAF do Vasco - Foto: Reprodução

Rio de Janeiro – O CEO Lúcio Barbosa e a CFO Kátia dos Santos entregaram seus cargos na SAF do Vasco na manhã desta terça-feira. O presidente Pedrinho já foi comunicado da decisão, motivada por interferências e comprometimento da governança.

ESTAMOS NAS REDES

Siga-nos no X

Inscreva-se no no Youtube

O que você precisa saber:

  • Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos renunciaram aos cargos de CEO e CFO.
  • Decisão foi influenciada por interferências do CRVG e questões de governança.
  • Funcionários relatam clima de insegurança e tensão na SAF do Vasco.
  • Declaração de Pedrinho sobre mudanças na estrutura do futebol gerou insatisfação.

Motivos da Renúncia

Fontes próximas ao comando da SAF do Vasco informam que a interferência do CRVG e a falta de governança foram decisivos para a saída de Lúcio Barbosa e Kátia dos Santos. A situação gerou um ambiente de

insegurança entre os funcionários, agravando a tensão nos últimos dias.

LEIA TAMBÉM

Clima Interno

Funcionários relataram ao ge que o clima na SAF do Vasco estava ruim, com incertezas sobre o futuro da empresa. A declaração do presidente Pedrinho, prometendo mudanças na estrutura do futebol, gerou insatisfação e preocupação nos bastidores.

Estrutura de Comando

A fala de Pedrinho sinalizava mudanças na estrutura da SAF, afetando diretamente o poder de Lúcio Barbosa. Desde a segunda-feira passada, Felipe e o diretor executivo Pedro Martins passaram a se reportar diretamente a Pedrinho, diminuindo a influência de Barbosa.

Com informações do GE