Rio de Janeiro pode ter áreas submersas até 2059, diz estudo

Estudo, que inclui a cidade de Santos, foi divulgado pela plataforma Human Climate Horizons

megaloterias
Rio e Santos podem ter áreas invadidas pelo mar até 2059
Rio de Janeiro - Foto: Tânia Rego - Ag Brasil

Um estudo da Human Climate Horizons (HCH) revela que, se as emissões globais de gases de efeito estufa não forem reduzidas, o nível do mar junto à costa brasileira poderá subir entre 20.09 cm e 24.27 cm até 2059.

O aplicativo, desenvolvido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) e pelo Laboratório de Impacto Climático (CIL), destaca que inundações podem se tornar mais frequentes, afetando áreas onde residem cerca de 14 milhões de pessoas.

O que você precisa saber:

  • Estudo da HCH aponta aumento do nível do mar na costa brasileira até 2059.
  • Risco de inundações em áreas costeiras que abrigam 5% da população de cidades como Santos e Rio de Janeiro.
  • Cenários considerados: baixa emissão de gases, emissão intermediária e emissão muito alta.

Impactos em Cidades Brasileiras: A plataforma projeta que cidades como Santos e Rio de Janeiro enfrentarão riscos acrescidos de inundações, com variações nos cenários de emissões. O estudo destaca o aumento da ameaça de inundação permanente em regiões baixas ao longo das costas da América Latina, África e Sudeste Asiático.

COP28 e Metas Brasileiras: Os dados foram divulgados dias antes da 28ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP28). Durante o evento, representantes discutirão o balanço da implementação do Acordo de Paris. A NDC brasileira, atualizada em 2023, estabelece metas de redução de emissões em 48% até 2025 e 53% até 2030.

megaloterias
megaloterias