Xadrez Político

Cotada para vice de Paes, Anielle Franco confirma desejo de se filiar ao PT

Irmã de Marielle Franco é cotada para compor chapa do atual prefeito do Rio de Janeiro

megaloterias
Anielle Franco confirma desejo de se filiar ao PT e pode ser vice de Paes no Rio de Janeiro
Anielle Franco confirma desejo de se filiar ao PT e pode ser vice de Paes no Rio de Janeiro - Foto: Ag Brasil

A ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, confirmou à CNN Brasil o desejo de se filiar ao PT ainda no início deste ano.

Ela é cotada para ser vice do prefeito Eduardo Paes na busca pela reeleição no Rio de Janeiro.

O que você precisa saber:

  • Anielle Franco é irmã da vereadora Marielle Franco, executada a tiros em março de 2018.
  • Ela tem o apoio da primeira-dama, Janja da Silva, e do PT para ser vice de Paes.
  • Apesar do desejo do PT, o acordo ainda não está fechado.
  • Outro fator que pode impactar o perfil do vice é o desempenho do deputado Alexandre Ramagem, que tem o apoio de Bolsonaro.

Anielle disse à CNN Brasil que ainda não houve sondagem oficial do PT sobre a possibilidade de ela ser vice de Paes. No entanto, ela afirmou que tem o desejo de se filiar ao partido ainda no início de 2024.

A avaliação de petistas é que, se as pesquisas confirmarem o amplo favoritismo de Eduardo Paes, o atual prefeito pode rejeitar uma dobradinha com o PT e insistir numa candidatura “puro-sangue” com o deputado federal Pedro Paulo (PSD-RJ).

Além de Anielle, aparecem como opção para o cargo de vice o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio e o atual secretário especial de Assuntos Federativos do governo federal, André Ceciliano (PT).

Outro fator que pode impactar o perfil do vice é o desempenho do deputado Alexandre Ramagem (PL), que tem o apoio de Bolsonaro, e aparece em segundo lugar nas pesquisas. Caso ele avance nas intenções de voto, a campanha de Paes passaria a analisar um aceno para um público conservador.

Pesquisa AtlasIntel para a disputa no Rio de Janeiro, divulgada no domingo (31), aponta o prefeito Eduardo Paes (PSD) na liderança com 36,2%. O deputado federal Alexandre Ramagem (PL) tem 19,1%. Posteriormente aparecem Tarcísio Motta (PSOL), com 17,8%; e Ottoni de Paula (MDB), com 6,9%. Já o vereador Pedro Duarte (Novo) registrou 2,5% das intenções.

megaloterias
megaloterias