Chuvas no Rio

Governador do Rio se reúne com prefeito e pede ajuda federal para mitigar danos das chuvas

Castro destaca importância de trabalhar integrado com demais esferas de governo

megaloterias
Governador do Rio se reúne com prefeito e pede ajuda federal para mitigar danos das chuvas
Rio de Janeiro - 15/01/2024 - O governador Cláudio Castro em reunião com o prefeito Eduardo Paes Foto: Rafael Campos

Rio de Janeiro – O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, se reuniu com o prefeito da capital, Eduardo Paes, na noite desta segunda-feira (15), para discutir as ações de mitigação dos danos causados pelas chuvas que atingiram o estado.

O que você precisa saber:

  • Castro se reuniu com o prefeito Eduardo Paes e representantes dos órgãos envolvidos nos comitês estadual e municipal de chuvas.
  • O governador afirmou que vai apoiar todos os prefeitos e colocou à disposição a estrutura estadual para garantir o bem-estar da população carioca.
  • Castro também conversou com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para pedir a liberação de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento para obras essenciais de prevenção a desastres.
  • Castro determinou o cadastramento e a entrega do Cartão Recomeçar, no valor de R$ 3 mil, aos moradores afetados pelo temporal.

Corpo do texto:

Castro visitou a Arena Carioca Jovelina Pérola Negra, na Pavuna, onde foi montado o Gabinete de Crise Avançado da Prefeitura do Rio, e recebeu as demandas da capital do estado. O governador afirmou que vai apoiar todos os prefeitos e colocou à disposição a estrutura estadual para garantir o bem-estar da população carioca.

“O Corpo de Bombeiros continua atento junto com a Defesa Civil. Queremos demonstrar realmente para a cidade que eles não estão sozinhos, que tem o Estado parceiro, apoiando. Temos que trabalhar junto, duro, para que a gente possa minimizar esses impactos para a população. A população é mais importante que qualquer outra coisa”, disse o governador durante o encontro.

Castro ressaltou a importância de trabalhar integrado a todas as esferas de governo e órgãos de serviços aos cidadãos, movimento que garante mais força e uma resposta mais rápida e eficiente aos afetados por desastres naturais.

Mais cedo, Castro também conversou com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para pedir a liberação de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento para obras essenciais de prevenção a desastres, como as intervenções necessárias no Rio Botas, que cruza os municípios de Nova Iguaçu e Belford Roxo, na Baixada Fluminense.

Castro enfatizou ainda que determinou o cadastramento e a entrega do Cartão Recomeçar, no valor de R$ 3 mil e pago em parcela única, aos moradores afetados pelo temporal. Para que o benefício seja liberado, os moradores devem ter cadastro nas prefeituras que tenham reconhecidos decretos de calamidade, como já acontece na cidade do Rio.

O benefício cobre despesas com mobiliário residencial, eletrodomésticos e materiais de construção. Ele é destinado às famílias em vulnerabilidade após desastres naturais e que perderam móveis e eletrodomésticos ou que tiveram o imóvel danificado. Equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos estão nos municípios prestando assistência técnica às prefeituras, responsáveis pelos cadastros.

megaloterias
megaloterias