Obrigação

Chuvas no Rio de Janeiro: Governo amplia assistência e mobiliza forças para atender municípios atingidos

Mais de 14 mil pessoas desalojadas e 852 desabrigadas; Cartão Recomeçar beneficia mais de 30 mil famílias

megaloterias
Governador Cláudio Castro reforça apoio imediato aos municípios afetados pelas chuvas. (Ernesto Carriço)
Governador Cláudio Castro reforça apoio imediato aos municípios afetados pelas chuvas. (Ernesto Carriço)

DC – Rio de Janeiro – O governador Cláudio Castro determinou, neste domingo (21/01), ampliação imediata dos serviços e da assistência aos municípios afetados pela chuva que estão atingindo o estado. A medida reforça a atuação do Governo do Estado, com o objetivo de reduzir os impactos causados pelos últimos temporais e a previsão de mais chuva forte, principalmente nas cidades da Baixada Fluminense.

O que você precisa saber:

  • O Governo do Estado ampliou a assistência aos municípios afetados pelas chuvas.
  • Mais de 14 mil pessoas foram desalojadas e 852 desabrigadas.
  • O Cartão Recomeçar beneficiou mais de 30 mil famílias.
  • O Corpo de Bombeiros atua com 2.400 militares para dar celeridade às ações de resposta às chuvas.
  • Mais de 60 máquinas foram cedidas pelo Governo do Estado para ajudar na limpeza de ruas, rios e canais.

O governador Cláudio Castro determinou, neste domingo (21/01), ampliação imediata dos serviços e da assistência aos municípios afetados pela chuva que estão atingindo o estado. A medida reforça a atuação do Governo do Estado, com o objetivo de reduzir os impactos causados pelos últimos temporais e a previsão de mais chuva forte, principalmente nas cidades da Baixada Fluminense, região com maior número de demandas e ocorrências.

Desde a madrugada deste domingo, os Bombeiros RJ já realizaram mais de 40 atendimentos, a maioria salvamentos de pessoas, inundações e alagamentos. Até o momento, não há relatos de mortes.

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos segue monitorando a situação dos municípios para realizar todos os atendimentos necessários aos que mais precisam. Há quase 14 mil pessoas desalojadas, cerca de 852 pessoas desabrigadas pelas chuvas, de acordo com os dados enviados pelas cidades do Rio de Janeiro, Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Miguel Pereira, Nilópolis, Nova Iguaçu, Paty do Alferes, Quatis, Queimados, São Gonçalo e São João de Meriti e reunidos pelo Governo do Estado.

As prefeituras dos municípios seguem cadastrando e analisando a elegibilidade das famílias para identificar possíveis beneficiários do Cartão Recomeçar. Até o momento, existem mais de 30 mil candidatos ao benefício que cumprem os critérios para o programa, mas que ainda deverão passar por avaliação da Secretaria de Desenvolvimento Social.

O Cartão Recomeçar concede ao cidadão R$ 3 mil, em parcela única, para cobrir despesas com mobiliário residencial, eletrodomésticos e materiais de construção. O programa foi criado para famílias em vulnerabilidade após desastres naturais. A pasta também atua na distribuição de insumos e refeições, já foram entregues aos municípios mais de 29 mil refeições e 20 mil kits de higiene e limpeza.

Para dar celeridade às ações de resposta às chuvas, o Corpo de Bombeiros atua com 2.400 militares, incluindo bombeiros extras divididos em Grupos de Resposta ao Desastre (GRDs). O esquema operacional conta com apoio de viaturas de salvamento, ambulâncias, barcos de alumínio para socorro a pessoas ilhadas por inundações e alagamentos, drones, aeronaves para busca de vítimas e monitoramento das áreas atingidas, cães farejadores, além de especialistas em resgate em soterramentos e estruturas colapsadas, entre outros recursos.

A Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas segue mobilizada para atuar e dar assistência aos municípios afetados pelas fortes chuvas.

Mais de 60 máquinas, como retroescavadeiras, escavadeiras e caminhões foram cedidas pelo Governo do Estado para as áreas mais afetadas. Os equipamentos estão sendo usados para ajudar na limpeza de ruas, rios e canais, retirada de entulhos e a dejetos de bueiros.

A secretaria tem mantido contato permanente com as cidades e acompanha os trabalhos nas áreas afetadas. As equipes trabalham neste domingo em esquema de plantão para atender de forma ágil os municípios que possam precisar de mais apoio.

O Instituto Estadual do Meio Ambiente também continua dando assistência aos municípios com mais de 90 máquinas, além da atuação do programa Limpa Rio manual, que trabalha na limpeza de rios e cursos d’água onde as máquinas não têm acesso.

megaloterias
megaloterias