Chuva

Atingidas por fortes chuvas, Miguel Pereira e Japeri, no Rio de Janeiro, obtêm reconhecimento federal de situação de emergência

Com a medida, os municípios estão aptos a solicitar recursos para atendimento à população, restabelecimento de serviços e reconstrução de infraestruturas e moradias

megaloterias
Atingidas por fortes chuvas, Miguel Pereira e Japeri, no Rio de Janeiro, obtêm reconhecimento federal de situação de emergência
Foto: Divulgação/MIDR

DC – Brasília (DF) – O Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR), por meio da Defesa Civil Nacional, reconheceu nesta segunda-feira (22), de forma sumária, a situação de emergência das cidades de Miguel Pereira e Japeri, no Rio de Janeiro.

Com a medida, 10 municípios fluminenses atingidos por fortes chuvas nos últimos dias já tiveram o reconhecimento decretado pelo Governo Federal e podem solicitar recursos para ajuda humanitária, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de infraestruturas e moradias destruídas ou danificadas pelo desastre. O pedido deve ser feito por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD).

Além de Miguel Pereira e Japeri, já estão com o reconhecimento federal de situação de emergência as cidades do Rio de Janeiro, Belford Roxo, Nova Iguaçu, São João do Meriti, Duque de Caxias, Nilópolis, Mesquita e Queimados. Outras três cidades fluminenses – São Gonçalo, Magé e Paracambi – devem ter os pedidos reconhecidos assim que enviarem os decretos municipais de reconhecimento de situação de emergência.

Na última terça-feira (16), o ministro da Integração e do Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, liderou uma comitiva interministerial ao estado do Rio de Janeiro, onde se reuniu com o governador Cláudio Castro, prefeitos e representantes das Defesas Civis estadual e municipais e visitou áreas atingidas pelo desastre. Na oportunidade, o ministro Waldez Góes destacou que o Governo Federal não medirá esforços para ajudar a população fluminense.

“Por determinação do presidente Lula, faremos o que for necessário para atender à população. O quanto for necessário nós faremos”, destacou Waldez Góes. “Além dos recursos para ações de defesa civil, teremos participação de outras Pastas. A Saúde, por exemplo, já está disponibilizando o kit saúde. E o Bolsa Família já está sendo disponibilizado”, completou.

Durante a visita, Waldez Góes participou de reunião para traçar estratégias de atendimento à população e anunciou o deslocamento de uma equipe técnica do MIDR à Baixada Fluminense, para auxiliar na execução dos planos de trabalho necessários para o recebimento de recursos para ações de defesa civil.

Capacitações da Defesa Civil Nacional

A Defesa Civil Nacional oferece uma série de cursos a distância para habilitar e qualificar agentes municipais e estaduais para o uso do S2iD. As capacitações têm como foco os agentes de proteção e defesa civil nas três esferas de governo. Confira neste link a lista completa dos cursos.

megaloterias
megaloterias