Afundou

Barco de Arthur Lira afunda no litoral de Alagoas

Embarcação estava na marina de empresário bolsonarista

megaloterias
Barco de Arthur Lira afundou - Foto: Reprodução
Barco de Arthur Lira afundou - Foto: Reprodução

O barco do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afundou no litoral alagoano, mais especificamente no município de Barra de São Miguel. O acidente não resultou em vítimas.

O que você precisa saber:

  • Barco de Arthur Lira afundou no litoral de Alagoas;
  • Acidente não resultou em vítimas;
  • Embarcação estava na marina de empresário bolsonarista;
  • Empresário já foi alvo de polêmicas.

O barco de Arthur Lira, um lancha de 30 metros, afundou no dia 7 de janeiro de 2024, durante trabalhos de manutenção na embarcação. A lancha estava na marina do empresário José Medeiros Nicolau, conhecido como Zezeco, que é bolsonarista e já ocupou um cargo de chefia no Ministério do Turismo durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro.

Ainda não há informações sobre as causas do acidente. A Marinha do Brasil investiga o caso.

José Medeiros é irmão de Benedito de Lira, também conhecido como Biu, ex-senador e atual prefeito de Barra de São Miguel. Biu é pai de Arthur Lira.

Zezeco já foi alvo de polêmicas ao ser processado pela Comissão de Ética Pública da Presidência da República. Em 2021, ele incluiu em sua agenda oficial atividades “despachos internos” enquanto estava nos Alpes franceses com a namorada. Na ocasião, Zezeco se justificou ao portal Metrópoles, explicando que o empresário Luiz Estevão de Oliveira Neto custeou a viagem e que devolveu o salário correspondente aos dias não trabalhados

megaloterias
megaloterias