Eleição surpreendente

Youtuber de 24 anos eleito deputado europeu

Fidias Panayiotou surpreende ao conquistar vaga mesmo sem experiência política

Fidias Panayiotou (Foto: Reprodução/Instagram )
Fidias Panayiotou (Foto: Reprodução/Instagram )

BruxelasFidias Panayiotou, influenciador e youtuber de 24 anos, foi eleito para o Parlamento Europeu, apesar de nunca ter votado antes e admitir desconhecimento político. Com uma campanha impulsionada por sua popularidade entre os jovens, ele garantiu um dos seis assentos do Chipre no legislativo europeu.

ESTAMOS NAS REDES

Siga-nos no X

Inscreva-se no no Youtube

O que você precisa saber:

  • Eleição inesperada: Fidias Panayiotou foi eleito para o Parlamento Europeu aos 24 anos, mesmo sem experiência política.
  • Popularidade online: Fidias tem mais de 2,6 milhões de seguidores no YouTube, o que ajudou a impulsionar sua campanha.
  • Desilusão com políticos tradicionais: Sua vitória reflete uma insatisfação com a política tradicional e o poder da influência digital.

Eleição inesperada

Fidias Panayiotou, conhecido por seu canal no YouTube, surpreendeu a todos ao ser eleito para o Parlamento Europeu, apesar de nunca ter votado e admitir publicamente sua falta de conhecimento em política. Sua popularidade entre os jovens, com mais de 2,6 milhões de seguidores, foi decisiva para sua vitória.

LEIA TAMBÉM

Popularidade online

Durante a campanha, Fidias destacou sua falta de experiência política, mas isso não impediu sua eleição. Seu apelo entre os jovens e sua presença forte nas redes sociais garantiram entre 15% e 18% dos votos, colocando-o em terceiro lugar na votação.

Desilusão com políticos tradicionais

Fidias se declarou independente, sem ligações com partidos políticos tradicionais, o que atraiu eleitores desiludidos com a política convencional. Sua candidatura e vitória demonstram o crescente poder da produção de conteúdo na internet e a capacidade de influenciadores digitais em mobilizar eleitores.

Planos futuros

Após a vitória, Fidias expressou sua gratidão e surpresa, chamando o resultado de “milagre”. Ele planeja uma viagem pela Índia e Japão, desafiando-se a viajar sem dinheiro e depender da generosidade alheia.