Ressalvas

Copos térmicos da Stanley contêm chumbo, mas empresa garante que é seguro

Produtos atendem às normas regulatórias, mas especialistas alertam sobre riscos

megaloterias
copos térmicos Stanley
Foto: Divulgação

Copos térmicos da marca Stanley, populares no Brasil e no mundo, estão sob o centro das atenções após a confirmação da presença de chumbo em sua composição. A empresa afirma que o metal é utilizado como material de vedação na base dos copos e que um revestimento de aço inoxidável impede o contato direto do consumidor com o chumbo.

O que você precisa saber:

  • A Stanley confirmou que seus copos térmicos contêm chumbo em sua composição.
  • O metal é utilizado como material de vedação na base dos copos.
  • Um revestimento de aço inoxidável impede o contato direto do consumidor com o chumbo.
  • A empresa afirma que seus produtos atendem às normas regulatórias dos Estados Unidos.
  • Especialistas alertam sobre os riscos do chumbo, especialmente em crianças pequenas.

A polêmica começou nos Estados Unidos, onde funcionários de uma loja foram demitidos após comprarem copos Stanley de maneira irregular. Além disso, testes rápidos realizados por usuários levantaram preocupações sobre a presença de chumbo nos produtos.

Em nota, a Stanley confirmou que seus copos contêm chumbo em sua composição, utilizado como material de vedação na base. Entretanto, a empresa assegura que um revestimento de aço inoxidável impede o contato direto do consumidor com o metal.

A empresa afirma que seus produtos atendem às normas regulatórias dos Estados Unidos e realiza testes por laboratórios credenciados pela FDA. Ainda assim, surge a questão sobre a possível exposição ao chumbo em casos extremos, como danos físicos nos copos.

Especialistas alertam sobre os perigos do chumbo, especialmente em crianças pequenas. À Folha de S.Paulo, o toxicologista Álvaro Pulchinelli enfatizou que a intoxicação ocorre apenas quando há exposição direta ao metal e recomenda cautela em casos de danos físicos nos copos térmicos.

A exposição ao chumbo pode causar danos irreparáveis, especialmente em crianças, afetando diversos sistemas do corpo. Relatórios destacam a necessidade de intervenções globais para lidar com a contaminação por chumbo.

megaloterias
megaloterias