Ex-marido

Juíza decreta prisões no caso de galerista assassinado no Rio de Janeiro

Decisão judicial determina prisões preventivas de Daniel Sikkema e Alejandro Triana Prevez relacionadas ao assassinato de Brent Sikkema

megaloterias
Brent Sikkema, o galerista americano assassinado no Rio de Janeiro. Reprodução Instagram
Brent Sikkema, o galerista americano assassinado no Rio de Janeiro. Reprodução Instagram

A juíza Tula Correa de Mello, da 3.ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, decretou as prisões preventivas de Daniel Sikkema, ex-marido do galerista americano Brent Sikkema, e Alejandro Triana Prevez neste sábado, 10.

A decisão está vinculada ao assassinato de Brent, de 75 anos, ocorrido no Rio em 15 de janeiro.

O que você precisa saber:

  • A juíza Tula Correa de Mello decreta prisões preventivas de Daniel Sikkema e Alejandro Triana Prevez.
  • Daniel é apontado como “mentor intelectual e principal interessado no crime”.
  • Alejandro Triana Prevez está detido desde 18 de janeiro, sendo encontrado em Minas Gerais.
  • Daniel teria contratado Prevez, prometendo pagar US$ 200 mil pelo crime.
  • Juíza ordena envio do mandado de prisão de Daniel à Interpol, devido ao acusado estar no exterior.

Daniel Sikkema: O “Mentor Intelectual” do Crime: Daniel Sikkema, ex-marido da vítima, é apontado como o mentor intelectual e principal interessado no assassinato de Brent Sikkema, conforme revelam as investigações.

Alejandro Triana Prevez: Executor Contratado: Alejandro Triana Prevez, detido desde janeiro, é considerado o executor do crime, contratado por Daniel para realizar o assassinato de Brent.

Detalhes da Conspiração: Promessa de Pagamento e Acesso à Casa: A conspiração inclui a promessa de pagamento de US$ 200 mil a Alejandro Triana Prevez por Daniel, que o trouxe ao Brasil às custas dele. Prevez, munido das chaves fornecidas, acessou a casa de Brent para realizar o crime.

Internacionalização do Caso: Mandado à Interpol: A juíza ordenou que o mandado de prisão de Daniel seja enviado à Difusão Vermelha da Interpol, considerando a presença do acusado no exterior, atualmente nos Estados Unidos.

megaloterias
megaloterias