Ameaças Covardes

Boneco de Moraes enforcado acende alerta sobre ameaças a ministros do STF

PF investiga imagens de 7 de setembro que podem ter sido usadas para amedrontar Alexandre de Moraes

megaloterias
Simulação de enforcamento. Créditos: Redes Sociais
Simulação de enforcamento. Créditos: Redes Sociais

Imagens de um boneco enforcado com uma toga, em suposta alusão ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, circularam nas redes sociais durante as manifestações de 7 de setembro de 2021. A Polícia Federal (PF) investiga as imagens, que podem ter sido usadas para amedrontar o ministro.

O que você precisa saber:

  • Imagens de boneco enforcado com toga circularam nas redes sociais em 7 de setembro de 2021.
  • O boneco era transportado por um caminhão com a inscrição “Fazenda Santa Cruz”.
  • O caminhão é registrado em nome de Renato Augusto Taques Macedo Cruz.
  • O ministro Alexandre de Moraes afirmou que os extremistas bolsonaristas possuíam um plano para enforcá-lo.
  • A PF investiga as imagens para identificar os responsáveis.

As imagens foram capturadas em Guarapuava (PR). O manequim era transportado por um caminhão que exibia a inscrição “Fazenda Santa Cruz”, sendo o caminhão registrado em nome de Renato Augusto Taques Macedo Cruz.

A PF já identificou o proprietário do caminhão, mas ainda não há confirmação de que ele esteja envolvido no planejamento das imagens.

O ministro Alexandre de Moraes afirmou que os extremistas bolsonaristas possuíam um plano para enforcá-lo. A ação, segundo o ministro, ocorreria em plena Praça dos Três Poderes, em Brasília.

“Eram três planos. O primeiro previa que as Forças Especiais (do Exército) me prenderiam em um domingo e me levariam para Goiânia. No segundo, se livrariam do corpo no meio do caminho para Goiânia. Aí, não seria propriamente uma prisão, mas um homicídio”, afirmou.

“E o terceiro, de uns mais exaltados, defendia que, após o golpe, eu deveria ser preso e enforcado na Praça dos Três Poderes. Para sentir o nível de agressividade e ódio dessas pessoas, que não sabem diferenciar a pessoa física da instituição”.

A declaração de Moraes foi dada em entrevista ao jornal O Globo.

Conclusão:

As imagens de boneco enforcado com toga são um alerta sobre as ameaças que os ministros do STF enfrentam. A PF investiga as imagens para identificar os responsáveis e evitar que novos ataques aconteçam.

megaloterias
megaloterias