Você Sabia

Escândalos e Fortunas: O Intrincado mundo dos perfis de fofocas e influencers

A face obscura da exposição nas redes e os bastidores milionários da agência Mynd 8

megaloterias
Perfis da Banca Digital, da agencia Mynd8. Créditos: Reprodução site oficial
Perfis da Banca Digital, da agencia Mynd8. Créditos: Reprodução site oficial

Na era digital, a linha tênue entre fama e tragédia se desvanece. A recente morte da jovem Jéssica Canedo, impulsionada por uma fake news sobre um suposto relacionamento com Whindersson Nunes, expôs as entranhas de um sistema que movimenta milhões em cliques. Esse submundo, longe de qualquer regulamentação, encontra solo fértil nas redes sociais.

Em um cenário onde escândalos são a moeda de troca, surgem agências como a Mynd 8, que transformam a vida de jovens em polêmicas disseminadas nas redes. No epicentro desse universo, a Mynd 8 se destaca, gerenciando desde artistas controversos até grandes empresas, em uma dança intricada entre influência e poder.

O que você precisa saber:

  • A morte de Jéssica Canedo: uma tragédia alimentada por fake news e exposição desmedida.
  • Mynd 8: A gigante do mercado que fatura milhões gerenciando influenciadores e empresas.
  • A Banca Digital: O braço propagador da Mynd, administrando dezenas de perfis de fofocas.

O Mundo dos Influenciadores

No coração desse universo, surgem agências de publicidade como cogumelos, mas a Mynd 8 se destaca. Com um portfólio que inclui desde Luísa Sonza até grandes corporações como Magazine Luiza e Ambev, a agência se consolidou como uma potência multimilionária. No comando, a CEO Fátima Pissarra, uma veterana no cenário empresarial e autora do livro “Profissão influencer: Como fazer sucesso dentro e fora da internet”.

Preta Gil, Fátima Pissarra e Carlos Scappini, sócios da Mynd8 - Foto: reprodução
Preta Gil, Fátima Pissarra e Carlos Scappini, sócios da Mynd8 – Foto: reprodução

Os Bastidores da Mynd 8

Por trás da fachada de conexão entre marcas e comunidades, a Mynd 8 opera a Banca Digital, administrando mais de duas dezenas de perfis de fofocas nas redes sociais. Embora a Choquei tenha sido parte desse império, hoje está fora do catálogo. Em 2022, a Mynd 8 faturou mais de R$ 500 milhões, com expectativas de atingir R$ 1,5 bilhão até 2025.

A Análise Reveladora

Um levantamento do Nucleo.jor detalha a influência da Mynd nas redes. Quase metade das publicações das páginas gerenciadas pela agência é replicada por outros perfis, disseminando informações de forma estratégica. Um exemplo foi o anúncio de Anitta sobre a saúde de seu pai, replicado em 13 das 24 páginas administradas pela agência.

A Versão Oficial e os Desafios Éticos

Apesar do impacto, a Banca Digital afirma não ter “interferência editorial” nos perfis agenciados. Alegam ter um time comercial dedicado, deixando claro que as negociações publicitárias não comprometem a autonomia editorial.

As informações são da revista Fórum

megaloterias
megaloterias