Glória da Folia

Glorioso Mergulho à Fantasia celebra tradição de antigos carnavais do Rio

Evento vai acontecer no domingo (18), na Prainha da Glória

megaloterias
Banho de mar a fantasia na Prainha da Glória - Foto de Jorge William - Agência O GLOBO
Banho de mar a fantasia na Prainha da Glória - Foto de Jorge William - Agência O GLOBO

Que a Prainha da Glória com seus cardumes de sardinhas e tartarugas verdes virou o hype do verão carioca, isso todo mundo já sabe. A grande novidade é que domingo (18), a pequena faixa de areia localizada entre a Marina da Glória e a Praia do Catete, no Rio de Janeiro, vai receber o Glorioso Mergulho a Fantasia. O evento, com direito a cortejo carnavalesco, concurso de fantasias, jurados, premiações e banho de mar, vai rememorar uma tradição que costumava encerrar os festejos de Momo. 

Concurso de mergulho à fantasia na Prainha da Glória, em 1954 - Arquivo Público do Estado de São Paulo - Última Hora
Concurso de mergulho à fantasia na Prainha da Glória, em 1954 – Arquivo Público do Estado de São Paulo – Última Hora

Os banhos de mar a fantasia fizeram muito sucesso no Rio dos anos 1910 até os anos 1960, período em que se tornaram mais raros por conta da repressão da ditadura militar, que passou a perseguir e proibir os desfiles de diversos blocos e agremiações carnavalescas. A festa era bastante comum nas praias de Ramos, Ilha do Governador, Paquetá, Copacabana, Russel  — que ficava na Glória — e outras. As reformas urbanas dos anos 1960 e 1970 também contribuíram para o apagamento da tradição, uma vez que muitas praias foram aterradas. Também existiram edições dos banhos a fantasia em clubes esportivos e na piscina do antigo Hotel Glória. Foi por lá, inclusive, que Clóvis Bornay foi declarado, em 1961, hors-concours, e ganhou o direito de se apresentar nos concursos sem ser julgado, tamanho o esplendor de suas fantasias. 

Cortejo em frente ao Palácio do Catete em 1954, rumo a Prainha da Glória - Arquivo Público do Estado de São Paulo - Última Hora
Cortejo em frente ao Palácio do Catete em 1954, rumo a Prainha da Glória – Arquivo Público do Estado de São Paulo – Última Hora

A primeira edição do Glorioso Mergulho a Fantasia terá início às 14h, com um cortejo puxado por um bloco carnavalesco, partindo dos jardins do MAM, em direção à Prainha da Glória. A partir das 15h, haverá inscrição para o concurso de fantasias na própria praia (limitada a 20 concorrentes). A comissão julgadora, composta por jurados apaixonados pelo carnaval carioca escolherá as três melhores fantasias do dia. Os concorrentes vão desfilar diante da comissão julgadora — ao som de marchinhas —, e serão avaliados em quesitos como evolução, originalidade, execução, e carisma.

O tradicional banho de mar a fantasia nas águas da baía - uma tradição que ficou no passado – Arquivo Público do Estado de São Paulo - Divulgação
O tradicional banho de mar a fantasia nas águas da baía – uma tradição que ficou no passado – Arquivo Público do Estado de São Paulo – Divulgação

Promovido por um grupo de foliões-produtores culturais cariocas, a ideia do Glorioso Mergulho a Fantasia é trazer de volta ao calendário da cidade essa tradição que se perdeu ao longo dos anos. As informações sobre o evento estão disponíveis no instagram @gloriosomergulho.

Serviço 

GLORIOSO MERGULHO A FANTASIA 

Quando: Domingo, 18 de fevereiro 

Onde: Prainha da Glória – Aterro do Flamengo (altura do antigo Hotel Glória)

Horário: Cortejo: 14h saindo dos jardins do MAM | Concurso e banho de mar à fantasia: 15h

Informações: instagram.com/gloriosomergulho

megaloterias
megaloterias