Muitas Chances

Otis abre vagas de estágio técnico e há vagas no Rio de Janeiro e Niterói

Programa Rota Escola desenvolve talentos e forma força de trabalho diversa e qualificada para atuar com a manutenção de elevadores e escadas rolantes

megaloterias
Otis abre vagas de estágio técnico em todas as regiões do Brasil, inclusive Rio de Janeiro e Niterói
Otis abre vagas de estágio técnico em todas as regiões do Brasil, inclusive Rio de Janeiro e Niterói

A Otis anuncia o início das inscrições para o Rota Escola, seu programa de estágio técnico, que tem como objetivo formar profissionais para atuar com a manutenção de elevadores e escadas rolantes.

São mais de 50 vagas abertas nas cidades de Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Itajaí, João Pessoa, Londrina, Manaus, Natal, Niterói, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, Santos, São Luis, São Paulo, Teresina e Vitória. Para se candidatar, é preciso ter, no mínimo, 18 anos e estar matriculado nos cursos técnicos e tecnólogos em elétrica, eletrônica, eletrotécnica, eletroeletrônica, mecatrônica, automação e mecânica. As inscrições estão abertas até 15 de dezembro pelo site da Super Estágios. É necessário fazer o cadastro no site caso o candidato ainda não tenha.

“Os profissionais técnicos representam mais da metade da nossa força de trabalho e são essenciais para o nosso sucesso em manter as pessoas em movimento por todo o Brasil”, diz Cristiane Fiorezzi, Diretora de Recursos Humanos da Otis para a América Latina. “O programa Rota Escola representa a importância do desenvolvimento dos nossos colegas como um pilar fundamental na Otis. Oferecemos capacitação de primeiro nível para que nossos colegas brilhem no trabalho que executam.”

O programa inclui treinamento dos estagiários com duração de oito meses, oferecendo mais de 1.200 horas de capacitação teórica e prática, realizada com acompanhamento de técnicos experientes, para que aprendam sobre o funcionamento de elevadores e escadas rolantes, além de desenvolverem habilidades comportamentais para atendimento ao cliente. Os estagiários passam por avalições trimestrais para, ao final do programa, serem elegíveis para uma possível efetivação como técnicos e técnicas da Otis.

Diversidade, equidade e inclusão

A diversidade, equidade e inclusão são parte da cultura da Otis. “Grande parte das profissionais mulheres que temos em campo chegam à Otis pelo Rota Escola. Nossa meta é que elas representem metade dos participantes do programa. Vimos o número de candidatas interessadas crescer ano a ano e, na edição do ano passado, as inscrições de mulheres bateram o recorde”, conta Fiorezzi.

Adriane Silva, Supervisora de Serviços da filial da Otis em Goiânia, é um exemplo de profissional que deu início à sua carreira pelo Rota Escola. Silva entrou na empresa por meio da edição de 2018 do programa e, após sua conclusão, foi a primeira técnica mulher a ser efetivada em sua filial. “Sempre fui muito bem recebida, tive o apoio de todos os colegas e isso fez a diferença em minha carreira. Uma das coisas que mais me deixam feliz é ver como a Otis se preocupa em oferecer oportunidades de desenvolvimento e em dar mais espaço às mulheres. Eu participei do Programa de Bolsas de Estudo para Funcionários e também fui mentorada, isso permitiu que eu descobrisse o que, de fato, queria para o futuro. E o resultado veio mais rápido do que eu imaginava: fui a primeira mulher em nossa filial a ser promovida para o cargo de Supervisora de Serviços”, diz Silva.

megaloterias
megaloterias