Assassino diz que Lutador de MMA foi morto por ter contato de milicianos

Busca por moto termina em morte de lutador de MMA no Rio

megaloterias
Diego Braga, lutador de MMA — Foto: Reprodução
Diego Braga, lutador de MMA — Foto: Reprodução

A polícia do Rio de Janeiro investiga a morte do lutador de MMA Diego Braga Nunes, que foi encontrado morto após tentar recuperar sua motocicleta roubada em uma comunidade da Zona Oeste.

O que você precisa saber:

  • O lutador de MMA Diego Braga Nunes foi morto após tentar recuperar sua motocicleta roubada em uma comunidade da Zona Oeste do Rio de Janeiro.
  • O suspeito do crime, Tauã da Silva, de 18 anos, admitiu sua participação e disse que a vítima foi morta por seu envolvimento com a milícia.
  • O filho do lutador, Gabriel Braga, relatou que o pai passou a manhã em busca da motocicleta e decidiu ir até a comunidade.

Segundo Tauã, Diego foi até a comunidade para resolver a questão do roubo da motocicleta. No entanto, a situação complicou quando foi descoberto seu suposto envolvimento com a milícia.

“Quando pegaram o telefone dele viram que tinha contatos de milicianos de Rio das Pedras e da Muzema”, afirmou o criminoso.

O suspeito detalhou que, ao perceber a complicação, o professor de luta tentou fugir, mas foi capturado e morto.

Gabriel Braga, filho do lutador, relatou que o pai passou a manhã em busca da motocicleta e decidiu ir até a comunidade. No entanto, ao tentar subir, foi impedido, e posteriormente, receberam a informação de que o corpo estava em uma praça, mas ao chegarem lá, a polícia já estava presente.

megaloterias
megaloterias