Releitura Gay de Dom Casmurro estreia no Rio de Janeiro

Apoiado na teoria em que Bentinho se apaixona por Escobar, “O Seminarista” cumpre curtíssima temporada no Teatro Candido Mendes, em Ipanema.

Qual brasileiro nunca ouviu a pergunta: Capitu traiu ou não traiu? O livro publicado em 1899 por Machado de Assis, gera questionamentos e discussões até os dias atuais. Temas como violência doméstica e a opressão das mulheres pela sociedade são recorrentemente revisitados a partir do clássico romance. Porém o livro deixa diversas brechas para que outro assunto seja tratado: o amor entre dois homens.


“Machado de Assis foi tão genial que deixou muitos nós desatados em Dom Casmurro para que o leitor, a partir de suas vivências, pudesse apertá-los e tirar suas próprias conclusões. Dentro de uma única história é possível levantar questões sobre racismo, violência contra mulher, diversidade sexual, entre tantos outros. Eu, sendo um homem gay, li um livro completamente diferente do que provavelmente um homem hétero leu. E é justamente a história que eu li que eu resolvi contar nessa peça.” – afirma Cleto Araújo, autor, diretor e ator.

            Inspirado no clássico “Dom Casmurro”, de Machado de Assis, o espetáculo se apoia no trecho do livro em que o protagonista, Bento Santiago, se encontra preso no seminário por conta de uma promessa feita por sua mãe. O que ele mais almeja é dar adeus à vida de padre e poder voltar para os braços de sua amada Capitu. Mas tudo muda de sentido quando o jovem seminarista cria laços mais profundos com seu colega de quarto, Escobar. Teriam os dois seminaristas se apaixonado? O triângulo amoroso mais famoso da literatura nacional ganha novas camadas nesta peça escrita por Cleto Araújo. Através de um recorte do livro que marcou a literatura nacional, temas como sexualidade e gênero se sobressaem e levam o público à novas possibilidades e interpretações.

            O espetáculo apresenta cenas clássicas como, por exemplo, o primeiro beijo em Capitu, por outra ótica e revela segredos escondidos nas entrelinhas do texto original. A peça promete deixar o público reflexivo e entregar novos fundamentos para apoiar ou bagunçar ainda mais as teorias do maior questionamento literário de todos os tempos.

Ficha Técnica

Texto e Direção: Cleto Araújo

Elenco: Cleto Araújo, Rodrigo Gil e Sofia Monti
Realização e Produção: Acorde Produções Artísticas
Assistente de Produção: Tiago Verissimo
Iluminação: Bru Trindade
Figurino: Renan Guedes
Cenografia: Tiago Verissimo
Mídias Sociais: Yasmim Almeida
Fotos: Bianca Oliveira

Serviço    

O Seminarista

16, 23 e 30 de junho – sextas às 22h

Teatro Candido Mendes

R. Joana Angélica, 63 – Ipanema. (próximo ao metrô Nossa Senhora da Paz)

Inteira: R$50,00
Meia: R$25,00

Vendas pelo Sympla ou na bilheteria do teatro.

Instagram: @acordeproducoes