Morre no Rio de Janeiro a cantora Doris Monteiro, aos 88 anos

Artista estava em casa e morreu de causas naturais

A cantora Doris Monteiro morreu na madrugada desta segunda-feira (24), aos 88 anos de idade, segundo informações publicadas por suas páginas oficiais nas redes sociais.

De acordo com o comunicado, Doris estava em casa, no Rio de Janeiro, e morreu de causas naturais. Ainda não foram divulgados detalhes sobre velório e sepultamento.

Doris nasceu no Rio de Janeiro em 21 de outubro de 1934, e estreou como cantora na Rádio Nacional, em 1947, no programa Papel carbono, de Rento Murce, segundo o Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Sua carreira profissional, porém, teve início em 1951, quando começou a trabalhar na Rádio Tupi.

Entre as composições que interpretou ao longo dos mais de 60 anos de carreira estão músicas de Sílvio César, Baden Powell, Vinicius de Moraes, Toquinho, Roberto e Erasmo Carlos, entre outros.

Além da extensa discografia, a cantora carioca também estrelou o programa Encontro com Dóris Monteiro!, na TV Tupi do Rio de Janeiro, e participou dos filmes Agulha no Palheiro (1953), Carnaval em Caxias (1954), De Vento em Popa (1957) e Copacabana Palace (1962).

Da Agência Brasil