Obtuso

"Apóstolo" Adelino de Carvalho diz que "Deus Mandou" mulher fazer sexo mesmo sem vontade

Líder religioso diz que mulheres são culpadas se maridos buscarem sexo fora do casamento.

Adelino de Carvalho, da Igreja Reino dos Céus em Minas Gerais. Foto: Reprodução
Adelino de Carvalho, da Igreja Reino dos Céus em Minas Gerais. Foto: Reprodução

BELO HORIZONTE – O apóstolo Adelino de Carvalho, da Igreja Reino dos Céus em Minas Gerais, declarou durante uma pregação que as mulheres devem “dar para o marido” mesmo sem vontade de fazer sexo. Ele afirmou que, se o homem buscar outra mulher fora do casamento, a culpa é da esposa.

ESTAMOS NAS REDES

Inscreva-se no no Youtube

Siga-nos no X

Siga no Instagram


O que você precisa saber

  • Adelino de Carvalho diz que mulheres devem satisfazer maridos.
  • Religião usada para justificar obrigação sexual no casamento.
  • Apóstolo responsabiliza mulheres por infidelidade dos maridos.

Declarações Polêmicas

Em um vídeo publicado no canal da igreja no YouTube em 5 de junho, Carvalho afirmou que o sexo é um ato “criado por Deus para o casamento”. “Esse ato de um dar o corpo para o outro é sagrado. No casamento, só o homem sacrifica ou a mulher tem que sacrificar também? Os dois. Igreja que prega contra o sacrifício é [igreja] de miserável, avarento, endemoniado”, declarou.

Crítica às Mulheres

O religioso criticou mulheres que inventam desculpas para não fazer sexo com os maridos, chamando-as de “infelizes” e “pecadoras”. “Aquela mulher que o marido faz tudo por ela, chega à noite ele quer um carinho, a infeliz fala que está com dor de cabeça e não está… A senhora está pecando, irmã. Se o seu marido é um homem bom para a senhora, a noite a senhora tem que dar para ele”, afirmou.

LEIA TAMBÉM

Justificativa Religiosa

Segundo o apóstolo, “foi Deus quem mandou a senhora dar para o seu marido”. Ele acrescentou: “A senhora tem que dar para o seu marido até sobrando para que ele não procure uma vagabunda na rua e o pecado seja da senhora. Se ele procura na rua é porque caiu no lastro do diabo e se tornou sem vergonha é porque a senhora o induziu ao erro”.